Primeiro de maio é o dia do trabalhador. É feriado em muitos países do mundo. Menos nos Estados Unidos. Perguntei a um diplomata americano em Brasília, porque a Embaixada não apoiou um projeto de revitalização de Fordlândia, no Pará. A resposta foi de que na cultura americana não se cultiva fracassos. Não se celebra coisas negativas.

O feriado de primeiro de maio tem sua origem numa greve de 1886 ocorrida em Chicago. O objetivo foi conquistar condições melhores de trabalho, principalmente a redução da jornada para oito horas. Nessa manifestação, houve confronto com policiais o que resultou em prisões e mortes de trabalhadores.

A base da reivindicação dos trabalhadores de Chicago era baseada no número oito. “Eight hours for work, eight hours for rest and eight hours for what you will.” Ou seja, oito horas de trabalho, oito de descanso (ou para dormir) e oito para o que quiser, o que geralmente é para comer, passear e estar com a família. Simples assim.  O slogan e o próprio evento ficou conhecido como o dia do movimento das oito horas.

Nos Estados Unidos se celebra o Dia do Trabalho na primeira segunda-feira de setembro. Há quem diga que esta escolha foi feita para evitar associar a festa do trabalho com o movimento socialista. Prefiro a versão do diplomata que me disse que eles não comemoram fracassos ou tristezas.

Já a Nova Zelândia, país distante onde tenho parentes, celebra o Dia do Trabalho na quarta segunda-feira de outubro. A data é alusiva à luta dos trabalhadores locais que levou à adoção da jornada diária de 8 horas. O fato teria ocorrido bem antes da greve geral que resultou no massacre de primeiro de maio que os Estados Unidos procuram esquecer.

A maioria dos países do mundo celebra o primeiro de maio como Dia do Trabalhador. Exceto poucos países. O Canada segue os Estados Unidos e na Austrália o Dia do Trabalho varia de acordo com a região. Na América Latina toda, grande parte da África e da Ásia se celebra o dia do trabalhador nesse dia. Em países onde o dia primeiro de maio não é feriado oficial, geralmente há manifestações em defesa dos trabalhadores.

Os americanos costumam celebrar o início de maio, não como feriado, mas como esperança de melhoras no clima e a chegada de dias mais amenos e gostosos. É a primavera. O feriado importante deste mês, para os americanos é o do Memorial Day. Acontece sempre na última segunda-feira do mês. Este feriado costuma marcar o início das férias de verão de muitas escolas americanas. O feriado americano Memorial Day é uma homenagem para todos os americanos que morreram durante as guerras em que os EUA participaram. É dia de orgulho nacional. Isso eles comemoram. Agora greves e projetos fracassados é para esquecer.

Compartilhar
Pedro Lucas Lindoso
*Bacharel em Direito e licenciado em Letras pela Universidade de Brasília. Membro efetivo do Instituto Geográfico e Histórico do Amazonas. Pertence a Associação dos Escritores do Amazonas e a Academia de Letras Ciências e Artes do Amazonas. Membro fundador da Academia de Ciências e Letras jurídicas do Amazonas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui