Kenneth Maxwell
*Kenneth Maxwell

Sebastião José de Carvalho e Melo (1699-1782) foi o enviado português a Londres entre 1739 e 1743. Depois que Dom José subiu ao trono de Portugal, em 1750, ele foi apontado como secretário de Estado para a guerra e assuntos internacionais. Em 1759, Carvalho e Melo recebeu o título de conde de Oeiras e, em 1769, se tornou marquês de Pombal.

Em sua passagem por Londres, ele foi eleito membro da Royal Society, em 15 de maio de 1740. Seu certificado de nomeação informava que ele era “bem versado em conhecimento natural e em toda a forma polida de literatura”. Os proponentes de sua candidatura foram “Hans Sloane, Cadogan, Wm Stukeley, e J. de Castro Sarmento”. A Royal Society havia sido fundada com o objetivo de “melhorar o conhecimento natural”: em essência, para promover o “aprendizado experimental”.

Sir Isaac Newton (1643-1727), um de seus presidentes, foi sucedido no cargo por sir Hans Sloane (1660-1753), o principal proponente da candidatura de Carvalho e Melo. Sloane era médico e seus pacientes incluíam a rainha Anne e os reis George 1º e George 2º. Promoveu a inoculação contra a varíola, o uso do quinino, a mistura de chocolate com leite, e era o editor de “Philosophical Transactions”, a mais antiga publicação científica do planeta.

A segunda filha de Sloane, Elizabeth, se casou com o general Charles Cadogan (1685-1776), o segundo dos proponentes de Carvalho e Melo. O casamento valeu a Cadogan a propriedade de Chelsea (de um quilômetro quadrado). A família Cadogan é uma das mais ricas da Inglaterra, hoje, e é dona de boa parte de Chelsea e Kensington.

O reverendo William Stukeley, o terceiro dos proponentes de Carvalho e Melo, é mais conhecido por ter registrado um dos mais famosos relatos da história da ciência, sobre a forma pela qual a maçã de Newton inspirou o conceito da gravidade como força universal. Ele era médico, clérigo, antiquário e um pioneiro da arqueologia.

O quarto proponente de Carvalho e Melo foi Jacob Henriques de Castro Sarmento (1692-1762), eminente físico, naturalista e poeta que chegou a Londres em 1720, fugitivo da Inquisição portuguesa. Escreveu sobre a inoculação como forma de combater a varíola em 1721, e a partir de 1725 foi autorizado a praticar medicina.

Nem todos os embaixadores estrangeiros a Londres recebiam a honraria de participar da Royal Society. Os proponentes de Carvalho e Melo eram todos membros importantes da elite intelectual mais esclarecida da Inglaterra do século 18. A eleição dele refletiu a amplitude de seus interesses intelectuais durante sua estadia em Londres, e a estima em que era tido pelos membros da Royal Society.

*Tradução de Paulo Migliacci. Kenneth Maxwell: historiador britânico e brasilianista. Artigo na Folha de São Paulo, Caderno Opinião A2, de 05/03/2015.
Compartilhar
Autor Externo
As publicações são fontes externas de outros veículos de comunicação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui