Desde cedo vinha a música para a rua
do cinema da cidade,
passavam filmes de faroeste,
de mocinho e bangue-bangue.

Já despontavam as chanchadas da Atlântida.

O rio passava em frente silencioso com a escuridão da noite,
o alto-falante distribuía os sons anunciando os filmes.

Só havia sessões noturnas e criança não podia entrar,
eu ficava sentado na calçada ouvindo aquela música…

Compartilhar
Elson Farias
*Poeta e ensaísta. Ex-presidente da União Brasileira de Escritores do Amazonas e da Academia Amazonense de Letras. Nascido em Itacoatiara é uma das glórias dessa cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui