Em atendimento a convite do governador Amazonino Mendes, ontem o historiador Francisco Gomes compareceu à cerimônia de posse do doutor Euler Esteves Ribeiro, como reitor da Fundação Universidade da Terceira Idade – FUnATI, recém-criada pelo Governo do Estado do Amazonas, em substituição à Universidade da Terceira Idade (UnATI). Realizada no auditório do Palácio do Governo, no bairro da Compensa, a cerimônia foi muito concorrida reunindo autoridades, políticos, intelectuais e membros do Clube da Terceira Idade. Dileto filho de Itacoatiara, Euler Ribeiro é uma personalidade de alto nível, elegante e culto, expert em gerontologia e mundialmente conhecido no setor. Na realidade, é um dos destaques do Amazonas além fronteiras nacionais. Ao final do celebrado evento, a pedido de seu conterrâneo e amigo, Euler Ribeiro concedeu a Francisco Gomes o privilégio de ser o primeiro a portar o discurso de sua investidura, que agora temos a honra de publicar.  

Discurso de Posse na Reitoria da Fundação Universidade Aberta da Terceira Idade

A vida tem sido para mim ao longo dos meus 77 anos repletos de retornos maravilhosos que culminam sempre com a realização dos meus sonhos!

Constitui minha família com a Ednea, com quem namoramos desde a nossa juventude até nos formarmos e completarmos Bodas de Ouro. Tivemos um casal de filhos Euler Filho e Gizela, que já nos deram seis netos maravilhosos, que nos trouxeram um genro e uma nora que se transformaram em filhos também, a Juliana e o Marco, a todos eles a minha alegria e o meu amor. E aos meus Pais que dedicaram totalmente a vida aos seus filhos, minha santa mãezinha que ainda está viva aos 97 anos que sempre deixou de comprar coisas para si para manter seus filhos todos estudando que era a sua paixão. Éramos nós, sete irmãos e agora somente quatro com quem convivemos em paz e harmonia. Por tudo isto, genuflexo, peço a Deus por todos eles!

Tenho encontrado em todas as passagens de cada década da minha vida seres humanos que me ensinaram sempre para o bem, afirmando que aqueles que respeitam a tudo e a todos, trabalham com seriedade, se doam e só visam o bem comum acabam por ter sucesso!

Foi assim no colégio americano Dom Amando em Santarém aonde eu me espelhava num santo homem, que no colégio nos ensinava que ser honesto, nunca mentir, não praticar a inveja e crer em Deus que é sempre o ideal para você crescer. Este homem que morreu bem idoso chamava-se Irmão João. Depois quando estava estudando para ser sacerdote católico no Seminário capuchinho do lrurá, lá em Santarém; Dom Floriano o bispo, nos ensinava não só a sermos puros, mas, sobretudo sabermos a ouvir os conselhos dos mais velhos e professar, sobretudo a Paz.

Mais tarde me encontrei com um amigo querido do meu Pai o Sr. Gilberto Mestrinho que sabendo que eu tinha durante dois anos de trabalho dirigindo a Coordenação do Programa de Controle da Tuberculose na Amazônia para o Ministério da saúde, imitando os chineses criei os Médicos de Pés Descalços nas comunidades, reduzindo com isto a prevalência da tuberculose que era de noventa por mil e passou para treze por mil em apenas dois anos. Por conta disso a OPAS (Organização Panamericana de Saúde) me agraciou, com uma bolsa de estudos no exterior para fazer o Controle de Moléstias Transmissíveis. No meu retorno convidou-me a assumir a Secretaria de Saúde do Estado do Amazonas aonde permaneci por sete anos consecutivos, sendo quatro anos no Governo do Professor Gilberto e mais três anos servindo à época o governo do Governador Amazonino Mendes, o qual ao terminar a minha tarefa à frente da SUSAM, quando introduzimos o Curso de Saúde Pública transformando todos os gestores em Sanitaristas.

O primeiro Estado a sair na frente com tal programa. Construímos trinta e sete hospitais no interior, ampliamos e reequipamos o CECOM, construímos o HEMOAM, as micro Maternidades na periferia, que só faziam partos normais, reduzindo os partos cirúrgicos e a mortalidade obstétrica, com o que ganhamos um prêmio nacional por este feito. E mais, conseguimos 93/100 de imunização das crianças com a ajuda das forças armadas, construímos quarenta Unidades Básicas de Saúde na capital, e fizemos o primeiro Pronto Socorro Psiquiátrico, reduzindo o internamento hospitalar do Hospital Psiquiátrico. Reduzimos a hanseníase, a tuberculose, a paralisia infantil e o sarampo. Daí no termino deste trabalho o Governador sem eu pedir me nomeou Conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios. Ficando lá por cinco anos, inclusive assumindo a Presidência daquela autarquia.

Estando lá, um determinado dia, recebi a visita do Professor Gilberto Mestrinho e ao perguntar como estava e o que eu poderia ajudá-lo, o mesmo me disse: Vim-te dizer que serás o meu candidato a Deputado Federal. Aí ponderando disse a ele: Professor me poupe, pois com algumas exceções a política é muito suja! Ele de pronto me respondeu: FAÇA COMO AS GARÇAS QUE SENTAM NA LAMA E NÃO SUJAM AS PLUMAS. Convenceu-me e me elegeu juntamente com o Governador Amazonino Mendes que se elegeria também Senador.

Assim que saiu o resultado da eleição, e eu já eleito, um grande amigo do Governador e Presidente da Câmara dos Deputados o inesquecível Dr. Ulisses Guimarães que me conhecia através de Gilberto e Amazonino que me davam a tarefa de cuidar do Dr.Ulisses quando omesmo visitava o Amazonas. Este último mandou um funcionário da Câmara me buscar e chegando lá me fez primeiroVice Líder do PMDB, e também Presidente da Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados, e me reelegeu para a mesma função nesta comissão no segundo mandato e ainda me deu a honra de me escolher para ser o Relator da Reforma da Previdência da Constituição de 1988. E que deve ser reformada imediatamente, por conta da expansão da perspectiva de vida do povo brasileiro, sendo hoje nós idosos o equivalente a 30 milhões de brasileiros no universo de 200 milhões. E no futuro próximo, em meados de 2050, seremos perto de 60 milhões com 60 anos. Por este motivo me vi obrigado a estudar o envelhecimento, matriculando-me no curso de Pós-Graduação em Geriatria e Gerontologia na UNB, e uma vez concluído o curso coincidentemente foi aprovado o meu relatório. Portanto, o que existe na Constituição hoje sobre a Previdência Social é de minha responsabilidade. No terceiro mandato o então o Governador, o Dr. Amazonino Mendes me convidou para assumir a Secretaria de Projetos Especiais do Estado acumulando com Presidência do antigo IPASEA, já transformada em Instituto Previdenciário, o IPEAM. Terminada esta outra tarefa, não quis mais disputar outra eleição e me desloquei para Porto Alegrepara a PUC/RS onde fiz Mestrado e Doutorado em Geriatria e Gerontologia. No retorno trouxe o projeto da UNATI, já Implantada na UERJ. E chegando de volta aqui em Manaus urna cliente e grande amiga a saudosa Dona Dorotéia Braga, que levou o Projeto elaborado por nós juntamente com o Professo Dr. Cláudio. Chaves, Presidente da Academia de Medicina do Amazonas, ao Governador de então e seu filho Eduardo Braga, que por sua vez recomendou a Reitora da UEA a Professora Dra. Marilene Corrêa que conseguiu aprovar no Conselho Universitário daUEA no dia 19 de novembro de 2007, assim estava criada a UNA TI/UEA.

Aproveito para agradecer a ex-Reitora daUEA, a Profa. Dra. Marilene Correa, por toda atenção que proporcionou a instalação e o progresso institucional.

O meu saudoso Pai o Sr. Menezes, que sempre me alertava para que eu não me empolgasse com as funções exercidas, dizia: os elogios nem sempre são verdadeiros, a maioria são por interesses; e mais cuidado ainda COIU o poder, pois este último é inebriante e acaba por você se deixar levar por coisas menos verdadeiras e neste caso o engano acaba por levar você a cometer desatinos.

E agora culminando a minha carreira do magistério, dedicada ao ensino, pois leciono desde muito cedo. Assim lecionava preparando alunos para adentrar a faculdade de Medicina, e fui professor da primeira turma de medicina da UF AM por 22 anos até assumir a Secretaria de Saúde do Amazonas. E hoje em dia ministrando aulas nos Doutorados de onze Universidades Brasileiras, e em duas Universidades estrangeiras: em Portugal e Espanha. Além de Conferências nas Universidades espalhadas em vários países do mundo, tais como: Universidade de Tokyo, Universidade de Nova York, Universidade de Sorbone, Universidade de Helsinque, Universidades Públicas de Madrid e Portugal e Universidade de Barcelona. Neste momento sendo nomeado pelo meu amigo e Governador Amazonino Mendes como Magnífico Reitor da Fundação Universidade Aberta da Terceira Idade, que o mesmo acabou de criar mais uma Universidade além da UEA sendo a primeira Universidade Brasileira voltada para o envelhecimento.

E hoje com uma bela equipe todos formados por mim em gerontologia com qualidade inigualável. Espero sinceramente não decepciona-los. E que Deus me ajude.

Muito obrigado!

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui