No “resumo da ópera”, o primordial mesmo é tentar caprichar na escolha de alimentos saudáveis e orgânicos de preferência tais como vegetais ricos em fibras, vitaminas e sais minerais. Quanto maior for a variedade destes alimentos no prato maior também será a melhor resposta corporal.

Devemos nos preocupar com uma boa digestão e com a prevenção da constipação intestinal que sempre traz muito sofrimento. Certos alimentos são capazes de aliviar o sofrimento da má digestão. O arroz integral, por exemplo, que diminui a acidez estomacal. A beterraba e o espinafre apresentam um composto que quebra as gorduras saturadas, estimula a lubrificação pela bile e facilita a absorção das proteínas plasmáticas. Temos ainda o gengibre e a cúrcuma, que aumentam a capacidade de absorção das proteínas e a quebra também das gorduras capazes de obstruírem os vasos arteriais. Por outro lado, também são inibidores de mecanismos inflamatórios e por cima aumentam o poder do sistema imunulógico.

Após as refeições, se você tem o costume de tomar chá, dê preferência para os chás de hortelã, espinheira santa, capim santo e pau de canela, que são os melhores estimuladores do fluxo biliar.

Portanto, dieta certinha para inibir a má digestão é comer parcimoniosamente cada alimento, pois todo exagero leva quase sempre a distúrbios alimentares sérios. Mas não é somente o abuso alimentar que nos preocupa, também o exagero de líquidos antes, durante e depois das refeições, principalmente se estes líquidos tenham teor alcoólico e se os alimentos também possam estar ricos em sal.

Cuidado também com o chocolate e os cafezinhos, pois são ricos em cafeína, capazes de relaxar o esfíncter esofágico, uma válvula que controla a entrada e saída dos alimentos no estômago, proporcionando o refluxo pós-prandial. Deitar-se imediatamente após uma lauta refeição leva a determinar um maior tempo e esvaziamento do conteúdo alimentar do estômago, devendo proporcionar refluxo indesejado. Então, principalmente à noite, aguarde pelo menos duas horas antes de ir para a cama.

O sedentarismo diminui com certeza todas as funções orgânicas principalmente a cardiovascular e digestiva. Os exercícios que movimentam frequentemente todo o corpo são benfasejos para todas as funções, inclusive têm aumento comprovado da expectativa de vida.

Evite carnes vermelhas muito gordas, frituras, pele de animais principalmente a das aves que são ricas em gorduras saturadas e fazem sempre muito mal à saúde. Pode-se durante as refeições tomar uma taça de vinho escuro que é rico em resveratrol, um grande antioxidante que faz bem à saúde. No entanto, as bebidas destiladas não deverão ser consumidas em excesso, pois podem transformar um indivíduo são num hipertenso e diabético, condições que têm alto risco de mortalidade.

Aconselhamos a tomar muita água fora das refeições, não abusar de bebidas alcoólicas e comer com parcimônia sempre para viver muito bem e melhor.

Compartilhar
Euler Ribeiro
Amazonense, de Itacoatiara. Formado em Medicina em Belém (PA), o médico geriatra completou os estudos em SP e nos EUA. Foi secretário de Saúde do Estado e deputado federal. Fundador da Universidade Aberta da Terceira Idade (UnATI), ligada à Universidade Estadual do Amazonas (UEA). Membro das academias amazonenses de Letras e de Medicina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui