Quaquer pessoa do povo, eleitor ou não, no Brasil tem direito ao exercício de suas opções individuais, sobretudo política. Graças a Deus vivemos numa democracia, onde são respeitados os direitos fundamentais e inalienáveis do cidadão.

Porém, a declaração em video de Chico Buarque de Holanda veiculada no horário político do Pt justificando sua preferência à candidadta Dilma Rousseff é indígna do criador de tantas pérolas da MPB, como Vai Passar, Bye Bye Brasil, A Banda, dentre tantas.

Por que Chico prefere Dilma? Por causa dos programas sociais, ele justifica. Ok, até que pode fazer sentido. Entretanto, esquece os rombos da Petrobras, Pasadena, os ministros demitidos (seis) por corrupção e que depois retornaram às tetas do governo, os balcões de negócios estabelecidos no Planalto e no Congresso;

Omite o Mensalão e o fabuloso esquema de corrupção instalado pelo Pt  em proporções nunca antes vistas na história deste país – essa omissão não faz o menor sentido em se tratando de quem se trata.

Chico simplesmente ignora em sua fala os petistas presos, encarcerados, julgados e condenados pela Suprema Corte. Exatamente por corrupção, por manipulação de recursos milionários destinados à lubrificação do projeto de poder engendrado pelo partido do governo e seus asseclas.

Chico também passa por cima do caos instalado na educação, na universidade, enfim, no sistema de ensino do país, na saúde, na segurança pública, no saneamento, na infraestrutura.

Para ele nada significa o fato de apenas 12% das rodovias brasileiras encontrarem-se razoavelmente pavimentadas, e o resto, semi abandonadas, tratarem-se de caminhos de barro ou tábuas de pirulitos em péssimo estado de conservação, dignas de países de terceiro mundo.

Igualmente passa por cima dos 80% das obras do PAC inacabadas, como a da transposição do Rio São Francisco, cujo orçamento inicial de R$ 4 bilhões hoje se aproxima, ou ultrapassa, RS$ 15 bilhões. E a obra, ao contrário da propaganda do governo, encontra-se paralisada por falta de recursos e água do Velho Chico, que se encontra em estado de indigência, exaurido e entregue à própria sorte.

Chico propositalmente esquece o monumental rombo da refinaria de Abreu e Lima, em Pernambuco, bem como a promessa do trem bala e as obras (inconclusas, salvo pelos estádios de futebol) da Copa, que sangraram as contas públicas em 30 bilhões de reais para que, ao final, o Brasil tomasse de 7 a 1 da Alemanha..

Por tudo isso Chico Buarque tem sido no mínimo incoerente, irresponsável, casuísta (será que procede os patrocínios milionários aos seus shows?), o que não se coadunaria em hipótese alguma com sua biografia.

Um dos maiores méritos da democracia consiste no respeito às liberdades de expressão, no livre arbítrio, o que inexiste, nem por hipótese, em regimes objeto de desejo das “esquerdas” brasileiras, como os instalados em Cuba, Rússia, Coreia do Norte, Argentina, Venezuela, Bolívia, na Faixa de Gasa controlada pelo Hamas, nem nos estados islâmicos.

Vote na Dilma, Chico Buarque de Holanda, tem todo o direito, evidentemente, mas respeite Morte e Vida Severina, Cálice, Construção, Apesar de Você. Vote quieto como outros artistas, intelectuais e apaninguados que, por força de patrocínios generosos, ou nem tanto, a filmetos produzidos ou a blogs chapa branca, simplesmente fecham os olhos, tapam o nariz e apertam a tecla da presidente.

Ou, uma vez instalado no recôndito da cabine eleitoral, obedecendo a força dos compromissos sociais assumidos com o povo, recobre sua consciência, o compromisso com a decência e a responsabilidade pelas mudanças reclamadas pelo Brasil e vote Aécio, 45.

Compartilhar
Osíris Silva
O economista Osíris M. Araújo da Silva é consultor de empresas, ex-secretário Municipal de Economia e Finanças da PMM, ex-secretário da Indústria, Comércio e Turismo e ex-secretário da Fazenda do Amazonas. É presidente da AMAZONCITRUS – Associação Amazonense de Citricultores, membro do Grupo de Estudos Estratégicos Amazônicos (GEEA), do INPA, e articulista econômico de A Crítica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui