27.5 C
Manaus, Am - Brasil
terça-feira, outubro 16, 2018

Literatura

Morenidade IV

Na cor morena os olhos são vitrais esplendendo fulgores diamantinos, quando castanhos – credes? – são divinos! Se negros, lembram gemas sensuais.   Vezes tingem-lh’os laivos florestais de um verde intenso e brilhos hialinos; se a bronze ou mel, refulgem, peregrinos, são...
Versos de amor

Estória de amor aos 69 anos

Velhos e crianças, ouvi essa estória de amor! Ele tem 69 anos, e ela, a mesmíssima idade. E hoje vão casar! Conheceram-se aos quatro anos, estudando na mesma classe. Quando ele mudou de escola, aos dez...

Clube da Madrugada

Vale a pena voltar nossa memória para alguns dos grandes feitos culturais do Clube da Madrugada, como foram os contistas. Foram eles que fizeram ressurgir a região na literatura. Alguns com muito rancor, como...

A retomada de uma cidade

Fala se muito na retomada do centro histórico de Manaus e há planos de restauração em andamento. Mas a natureza e a ecologia da cidade, no que diz respeito ao espaço urbano que se...

Cantoria para Eliezer

Eliezer nos deixou no dia nove de maio o poeta repentista que não precisava de ensaio fazia a letra na hora versejava sem demora ligeiro que nem um raio.   A poesia é Deus quem dá e o que Deus dá ninguém tira Eliezer...

Morenidade III

Macia, em ondas brônzeas imagéticas, definindo acidentes primorosos, compensando os desvãos, e os mais formosos, se elevam formações curvas e estéticas.   Oriundas de fontes energéticas, de mistura de genes venturosos surgiu essa mulher, de capitosos serões de amor, de libações poéticas.   Glória...