27 C
Manaus, Am - Brasil
sexta-feira, julho 10, 2020

Literatura

O poeta está com medo

Borboletas amarelas deixaram de aparecer nos espaços das janelas. Desistiu a saracura de cantar pela manhã no meio de tanta chuva. Corta no espaço um relâmpago, o temporal na cidade encheu as casas de pânico. A lua sumiu nas nuvens presa sem saber porque entre...

Ignorância mata

Durante esse confinamento que parece não ter fim, converso com meu amigo Chaguinhas, via whats app, sobre vários assuntos, inclusive a pandemia. Chaguinhas se diz abismado com algumas atitudes deploráveis perpetradas por algumas pessoas durante...

O mundo não será mais o mesmo

Derrubadas, queimadas Raios, trovão, estilhaços no chão... As vimos, aos farelos, no colosso do Norte, as torres gêmeas: Presas de um furacão. Uma frase se ouviu e se espalhou: “depois deste terror, o nosso mundo, o mesmo não será”. Chegou, porém,...

Eu não esqueci

Um americano de cor branca ajoelhou-se no pescoço de George Floyd, outro americano de cor preta. O branco sufocou o preto, matando-o. Milhares de pessoas da raça humana, da qual ambos pertencem, se indignaram...

Katia

*Francisco de Abreu Cavalcante Pertence ao segundo livro “Maravilhas da vida” a ser publicado em breve. I Tenho uma sobrinha querida Como outras mais nesta vida, Cujo nome, faz jus à natureza Nesta floresta nativa tropical De grande esplendor e beleza De...

Aniversário junino em tempo de Corona

(Melodia à vontade) Coro: É data querida.  / que pena é pandemia!            a voz e o violão / celebrem este dia Apesar do “fique em casa” Em casa vamos cantar A vida é um dom demais grande Pra gente...