Síndrome Metabólica

0
568

Quantidade de gordura saturada ingerida de maneira desregrada proveniente das picanhas, frituras, maionese, mostarda, ketchup, hamburgs, sorvetes, embutidos e tantos outros alimentos que são ricos em gorduras indesejáveis, serão responsáveis também pela dislipidemia que é o aumento do colesterol e frações, além dos triglicerídios que acabam por obstruir o vasos sangüíneos com placas de gorduras, diminuindo a circulação no cérebro, coração e nos órgãos parenquimatosos como o fígado, pulmão, rins, etc.

A cada ano o mundo todo vem sendo sacudido com o aumento exagerado de vários desvios da saúde do seu povo, em qualquer idade. O motivo tem sido o descuido da maioria das pessoas em controlar a dieta, que cada vez mais vem sendo utilizada de maneira equivocada. Tanto é assim que nos Estados Unidos 13% da população infantil na escola de primeiro grau já apresenta obesidade e, antes mesmo de chegar a idade adulta muitos destes já tem resistência à insulina e intolerância à glicose que culminam quase sempre com o Diabetes Mellitus.

Daí para a hipertensão arterial é só um pequeno passo. E mais, a quantidade de gordura saturada ingerida de maneira desregrada proveniente das picanhas, frituras, maionese, mostarda, ketchup, hamburgs, sorvetes, embutidos e tantos outros alimentos que são ricos em gorduras indesejáveis, serão responsáveis também pela dislipidemia que é o aumento do colesterol e frações, além dos triglicerídios que acabam por obstruir o vasos sangüíneos com placas de gorduras, diminuindo a circulação no cérebro, coração e nos órgãos parenquimatosos como o fígado, pulmão, rins, etc.

E por este motivo se verifica o aumento exagerado do número de eventos cardiovasculares como infarto, derrame cerebral, trombose venosa profunda, embolias e muitas vezes a própria morte. Temos que fazer alguma coisa com urgência face este grande problema de saúde pública que assusta o mundo todo.

E o que fazer? As autoridades deverão promover programas de educação e de conscientização nas escolas, nos centros sociais, nas igrejas, nas praças e em todos os lugares onde o povo se reúne como estádios de futebol, transportes coletivos. Tais medidas devem ter como finalidade evitar um número cada vez maior destes problemas que a cada dia custam mais caro para o SUS e por isso dificultando o PIB, pois a produtividade cai muito pelos problemas de saúde das pessoas que implicam em faltas ao trabalho.

Portanto, quero alertá-los para este que é um complicador da saúde individual e coletiva. Procurem comer de tudo em pequenas porções no mínimo 6 vezes ao dia, evitando gorduras visíveis, frituras, embutidos e conservas. Dê preferência a verduras, frutas, sucos naturais e carnes brancas e não se esqueça de praticar exercícios físicos, de fugir do estresse de vez em quando, de dormir corretamente e sorrir pelo menos 20 minutos por dia. Pratique o perdão, faça muito amor com amor e seja feliz!

Compartilhar
Euler Ribeiro
Amazonense, de Itacoatiara. Formado em Medicina em Belém (PA), o médico geriatra completou os estudos em SP e nos EUA. Foi secretário de Saúde do Estado e deputado federal. Fundador da Universidade Aberta da Terceira Idade (UnATI), ligada à Universidade Estadual do Amazonas (UEA). Membro das academias amazonenses de Letras e de Medicina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui