Símbolos do Município de Itacoatiara

0
6830

Bandeira

Distintivo principal da municipalidade. Representada por um pedaço de pano retangular nas cores verde, azul, vermelha e branca, aludindo à floresta, ao céu, à luta popular e à paz social. Legendada, ao centro, com a pedra histórica que nomina o Município, em marrom claro, e à esquerda e ao alto, com uma estrela branca. Desenho do artista plástico Antonildes Bezerra de Mendonça. Oficializada pela Lei nº 14, de 18.05.1982, e reformulada pela Lei nº 16, de 13.10.2003, – respectivamente da autoria dos vereadores Getúlio Juliano Borsa Lima e Leomar Libório de Araújo.

 

Brasão

Escudo do Município. Simboliza, com a Bandeira e o Hino, os feitos históricos e as tradições municipais. Idealizados pelo intelectual Antonildes Bezerra Mendonça, foi também criado pela Lei nº 14/1982 e reformulada pela Lei nº 16/2003, oriundas da CMI. O Brasão identifica os prédios públicos e os papéis da burocracia oficial, tanto do Poder Executivo quanto do Legislativo. Em sua parte superior há um Sol nascente refletindo a Esperança de paz e progresso nutrida pelos itacoatiarenses. Sobre os raios solares, a data de 25 de abril de 1874, de elevação da vila à categoria de cidade. Nas duas laterais, ainda no alto, dois tucunarés dizem da fartura municipal de peixes. Ao fundo, o caudaloso Amazonas, simboliza a vida no local. No centro, as espécies castanheira e vitória-régia expressam a riqueza vegetal da região. A corda tecida de juta, que circunda de alto a baixo o Brasão, se refere ao vegetal que, em determinada fase histórica, integrou a pauta de exportação do Município. Circulando-a, parte de um ramo, também representativo da botânica local. A cabeça de boi, que forma a paisagem, simboliza o setor pecuário. Entre a paisagem e a âncora da sua parte inferior, as várias sementes de seringueira aludem ao rush da borracha que constituiu, em passado recente, um fomentador de riqueza. Finalmente, a âncora representando a navegação, instrumento-mor da exportação dos produtos extraídos da natureza local para os mais diversos lugares do mundo.

 

Hino de Itacoatiara

Oficializado em março de 1997 pelo prefeito Miron Osmário Fogaça

Letra: Madre Maria  Rita de Cássia Dias (1958). Religiosa da Congregação de Santa Doroteia em Itacoatiara – Primeira Superiora e Professora de Educação Artística do Instituto Nossa Senhora do Rosário.

Música: Maestro Geraldo Dias da Rocha Júnior, amazonense bacharelado pela Universidade Federal da Paraíba. Coordenador de Música e Regente da Banda e Coral do Município .

Vestida bem de verde
Como a esperança
Eu vivo, eu sonho, eu sou feliz.
Assim como um celeiro de bonança,
Eu sou querida filha do País.
Riquezas trago muitas em meu seio.
Confiante de meu porvir.
Eu sinto nas veias um devaneio.
De quem vive sempre a sorrir.
Menina Itacoatiara vive assim.
Com ares de prima-dona.
Que grande orgulho eu sinto em mim.
E a serpente raivosa a vibrar
Eu tenho um presente venturoso.
Crescer, viver, reinar.

Compartilhar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui