Comida que cura

0
749

A ciência busca celeremente todos os vieses capazes de prolongar a vida e, sobretudo mantê-la saudável. Tanto é assim que cientistas da Universidade de Tókio acabaram de revelar as maravilhas da banana. Além de ser rica em vitaminas e sais minerais como o potássio, ainda guarda entre suas propriedades o fantástico fator de necrose tumoral, isto quer dizer que quanto mais madura a banana e com pintas negras na casca maior será a sua capacidade de proteger contra o câncer. Recomenda-se  por isto comer no mínimo duas bananas por dia e aproveitar esta característica salutar de proteção contra o câncer.

Outra descoberta pela ciência, em Oxford na Inglaterra, é que comer um ovo diariamente só faz bem, pois a clara é proteína pura e a gema, que já foi. mal julgada por muito tempo, desde que seja comida semi-crua, só faz bem, pois a gordura é não-saturada e é rica em colesterol, sem o qual não teríamos produção de hormônios. Por outro lado, na gema também existe o tal fator de necrose tumoral tal como existe na banana, portanto, protege contra o câncer além de nutrir muito bem. Atenção: o colesterol só se deposita dentro dos vasos quando existe inflamação na parede interna destes vasos e isto pode acontecer quando a concentração de Ômega 3, 6 e 9 está desequilibrada, numa proporção maior que dois para um de uma fração para outra. Portanto, muito cuidado no consumo de produtos comercializados em alta concentração de Ômega 3, pois podem levá-lo a um acidente cardio-vascular, O melhor é consumir nos alimentos estas gorduras como as castanhas e muito especialmente o jaraqui.

Outra descoberta importante feita por cientistas do INPA aqui em Manaus, é que o tomate do índio, ou cubiu, é capaz de reduzir drasticamente a concentração da glicose no sangue. Logo este também é excelente para ser usado como alimento/medicamento nas pessoas portadoras de diabetes.

Portanto, Hipócrates, o patrono da Medicina já dizia: “Faça do seu alimento seu medicamento”. E a ciência comprova essa ideia diariamente.

Compartilhar
Euler Ribeiro
Amazonense, de Itacoatiara. Formado em Medicina em Belém (PA), o médico geriatra completou os estudos em SP e nos EUA. Foi secretário de Saúde do Estado e deputado federal. Fundador da Universidade Aberta da Terceira Idade (UnATI), ligada à Universidade Estadual do Amazonas (UEA). Membro das academias amazonenses de Letras e de Medicina.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui