A espécie II

0
916

Não importa quem fez. Como foi feito

o projeto final… mas sobreleva

pensar e repensar que em tão longeva

época, alguém pensou – tinha o direito

 

de criar algum ser, fora do leito

que isto não existia! – mas releva

imaginar que, enfim, naquela treva

já se inventasse um molde tão perfeito

 

de algum animal, cujo modelo

nenhum anjo pudera concebê-lo

nos platôs, nas florestas, no oceano…

 

E um dia, foram dar, junto à cascata

com um corpo, tendo algo de primata

mas, sem dúvida, um belo corpo humano!

Compartilhar
Almir Diniz
Poeta e contista amazonense. Membro da Academia Amazonense de Letras e do Instituto Geográfico e Histórico do Amazonas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário
Por favor informe seu nome aqui